Página 18

IX

esparto, junça, junco e de todas as obras de cada um
deles ou de tabua de funcho, convém a saber quatro
réis por carga maior; e a propósito de quatro réis,
pagar-se-ão de carga maior de linho em cabelo. E de
toda a madeira trabalhada ou por trabalhar.
E assim da carga maior de pescado do mar; e
marisco, pagar-se-ão os ditos quatro réis como
destoutras coisas quando vierem para vender.
Porém, quando se tirarem do dito lugar, pagar-se-á
somente um real de seis ceitis o real. E pagar-se-á
outro real do pescado do rio quando somente se
vender.
E pagar-se-ão outros réis de toda a louça e obra
de barro ainda que seja vidrada, quer do Reino quer
fora dele.
E declaramos que se dará sacada carga por carga
na dita terra. E o portageiro tomará, da maior delas,
qual quiser. E se for paga a primeira, que foi